É o fim da feira! Pastores sendo coroados.

.
Por Renato Vargens

Infelizmente sou obrigado a confessar que tenho ficado impressionado com a capacidade de alguns dos evangélicos em criar coisas novas. Se não bastasse as esquisitices doutrinárias comuns a estes dias, nossos arraiais têm sido tomados pelo súbito aparecimento de estruturas monárquicas. Fiquei surpreso quando soube que algumas igrejas neste país estavam reconhecendo em seus líderes, dons e ministérios monárquicos, onde pastores mediante uma cerimônia suntuosa são coroados ao "santo ministério". Chamou-me também a atenção o fato de que este tipo de "coroação" vêm incentivando na igreja brasileira a formação de uma nova escalas de valores, onde claramente se faz diferenciação de pessoas na comunidade da fé.

Confesso que procurei na bíblia, averigüei em dicionários, pesquisei em léxicos e não encontrei fundamento teológico pra tal prática.

Isto me fez lembrar de uma estória muito interessante:

“Na terra do faz-de-conta, havia um sujeito que queria porque queria cozinhar um sapo. Todo dia ele fervia uma chaleira de água, e quando a água estava bem quente ele pegava o sapo e jogava na panela. Só que o sapo que não era bobo, pulava fora, até porque, ele sabia que o contato com a água quente o levaria a morte. Isto durou muitos dias, até que num determinado momento, o sujeito mudou a estratégia. Em vez de jogar o sapo na água quente, ele colocou o sapo cautelosamente na panela em água natural e fria. E sem que o bicho o percebesse acendeu o fogo, a água foi aquecendo, aquecendo, esquentando devagarzinho, até que finalmente ferveu matando o sapo."

Trago a tona esse pequeno conto para ilustrar o fato de que muitas vezes sem que percebamos vamos perdendo valores absolutamente saudáveis a nossa fé. Isto significa que, sem que se dê conta à igreja evangélica brasileira está cozinhando lentamente nas fogueiras dos achismos e impressões, questões indispensáveis a nossa saúde espiritual.

Amados, não nos esqueçamos que somos o povo Deus, nação santa, sacerdotes do Deus vivo. Na perspectiva do reino, todos absolutamente TODOS possuem acesso ao trono da graça não necessitando assim criar estruturas monárquicas fundamentadas em experiências muitas das vezes esquizofrênicas e adoecedoras. Quero ressaltar que para nós cristãos, a essência da igreja se resume na maravilhosa verdade que nos ensina que fomos chamados para fora deste sistema perverso, ambíguo e separatista, e que agora, independente de classe, cor, posição social, reunimo-nos TODOS indistintamente em torno do Cristo nosso Senhor como a comunidade dos santos.

Soli Deo Gloria,

Renato Vargens
Fonte: [ Blog do autor ]

.
Imprimir ou salvar em PDF

3 comentários

Caro Ruy Marinho,

Mais uma vez, excelente postagem!

Quero aproveitar para promover o meu blog pessoal;
http://ideiasprotestantes.blogspot.com

Sem dispensar a seriedade na defesa do Evangelho, e, sobretudo, longe de se adaptar aos modismos e novidades do Cristianismo de entretenimento, o leitor aqui obterá uma mistura bem balanceada de teologia, cultura, denúncia, cidadania, religião e artigos devocionais. No blog IdéiasProtestantes, você fica sabendo da última novidade do absurdário gospel, mas também não falta material para edificação e reflexões sobre a vida cristã.

Um forte abraço,
Marcos Sampaio

Responder

Paz amados!
Venho saber se tem alguma possibilidade de parcerias entre nossas paginas, por meio de divulgação de banner ou algo que sejá proposto.Vejo que nossas paginas tem um mesmo sentido divulgar o nome de nosso senhor!
Blog Do Lucas! Informando Vc...
www.lucaspds.blogspot.com
Aguardo seu retorno, Paz....


Lucas Pôrto

Responder
Anônimo mod

irmão sei sim que tem mto joio no meio do trigo!! mas enqto nos atacamos uns aos outros o diabo faz a festa fazendo com q os discrentes tenham cada vez + certeza de q ñ vale a pena ir na igreja pq ta tdo errado!! PORQUE NÃO TEMOS QUE LUTAR CONTRA CARNE E SANGUE, MAS SIM CONTRA OS PRINCIPADOS E POTESTADE, CONTRA OS PRÍNCIPES DAS TREVAS DESTE SÉCULO...Ef 6:12

Responder

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

1 - Poste somente o necessário. Se quiser colocar estudos, artigos ou textos grandes, mande para nós por e-mail: bereianos@hotmail.com

2 - A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Comentários com conteúdo ofensivo não serão publicados, pois debatemos idéias, não pessoas. Discordar não é problema, visto que na maioria das vezes redunda em edificação e aprendizado. Contudo, discorde com educação e respeito.

3 - Comentários de "anônimos" não serão necessariamente postados. Procure sempre colocar seu nome no final de seus comentários (caso não tenha uma conta Google com o seu nome) para que seja garantido o seu direito democrático neste blog. Lembre-se: você é responsável direto pelo que escreve.

4 - A aprovação de seu comentário seguirá os nossos critérios. O Blog Bereianos tem por objetivo à edificação e instrução. Comentários que não seguirem as regras acima e estiver fora do contexto do blog, não serão publicados.

Para mais informações, clique aqui!

Blog Bereianos!